Pagine

Clique para entrar

quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Perché se ga perso la léngoa TALIANA nel Brasil/ Porque se perdeu a língua italiana no Brasile.

                                                                          Talian

Bruti tempi ze stati í ani quaranta con La guera mondial. El goerno brasilian gavea paura che ì tedeschi portesse la guera ntel Brasil e la Itàlia zera insieme con í tedeschi, cosi no se podea parlar Talian, í catea che tuti descendenti í fussi “fassisti” (quinta coluna).

Zio Ventura se anca picoleto in quei ani, ancora se ricorda che tuti gavea paura de parlar Talian parché se andea in gàbia.El goerno brasilian zera cativo e anca bauco, parché nó volea che se parlese Talian, tutavia no ga dato oportunità dei dessedenti imparar el portughese: Sensa Scola e sensa maestri, andar andove imparar a leder, scriver e parlar? Nostra gente ga tribulà e passà dificultà e tanti andato in presion sensa delito. Í matussei del goerno í catea che í pòveri coloni í fussi spioni che mandea segni aí tedeschi e anca í brasiliani quei piú cative, í gavea ràbia dei pòveri coloni, ghe piasea dinunsiar e anca darghe bastonade.

Nostro pupà Tóni Lizot, gà toca tante volte difénderse dei rabiosi e lu zera compagno dei altri coloni; un cristian de pace e laoro, in so vardar gavea amabilità, ma anca la tempesta e dopo cativo l´éra brute robe, el gavea tanta forsa nte brassi, l`era costumà ribaltar mato con la manera e taiar piante con la sega de man. Cossi anca lu ga andato in preson, no par parlar Talian, ma par dargue bastonade ai rabiosi.

Finia la goera in 1945, dopo che tanti dea nostra gente ga servisto nela trupa brasiliana e infrontà la guera con coràio e sensa spaventarse dele canonade tedesche e ritornadi bravi e triunfanti, de la in vanti, la tribulassion dei coloni ga fermà, tutavia fin í ani 70 e 80, ancora í gavea scarsa considerassion con í coloni, í ghe ciamea de “grosso” ghe ridea drio, magari quei che fea cossì, zera quele persone gnorante, Lasaroni, stupidoti e invidiosi. Alora nostri genitori se ga nicorti de far studiar í fioi e lori con laoro e fede in Dio í ga diventà dotori e dopo ritornati casa, í ga fato la colònia rica, bela e esémpio par tuti.

Tradução para português

Época difícil foram os anos quarenta com a Guerra Mundial. O governo Brasileiro tinha medo que os alemães trouxessem a guerra para o Brasil e a Itália estava junto com os alemães, assim não se podia falar TALIAN. Eles acreditavam que todos os descendentes fossem fascistas. 

Tio Ventura mesmo ainda criança naqueles tempos ainda lembra que todos tinham medo de falar TALIAN, todavia não deram oportunidade para os descendentes aprender falar português: Sem escolas e professores, onde aprender a ler, escrever e falar? Nossa gente sofreu e passou dificuldade e muitos foram presos sem delito. Os malucos do governo pensavam que os pobres colonos fossem espiões que mandavam sinal aos alemães e brasileiros mais nervosos, eles tinham raiva dos pobres colonos, gostavam de denunciar e torturar.

Nosso pai Antonio Lizot teve que por muitas vezes se defender dessas pessoas, ele era amigo de outros colonos, um cristão de paz e trabalho, no seu olhar existia harmonia mas também tempestades e depois de nervoso a coisa ficava feia, tinha força em seus braços acostumado a cortar arvores de machado e serrote de mão. Portanto ele também foi preso, não por falar TALIAN mas por brigar com as autoridades.

Acabava a guerra em 1945, depois que tantos dos nossos serviram nas Tropas Brasileiras e enfrentaram a guerra com coragem e sem medo dos canhões alemães e retornados bravos e triunfantes, dali por diante o sofrimento dos colonos se acalmou, todavia até os anos 70 a 80 ainda era escassa a consideração por eles, eram chamados de "grossos" e humilhados, mas claro que por pessoas mais ignorantes e invejosos. Então nossos pais se deram conta que precisavam dar estudo aos filhos e então com trabalho e fé em Deus vieram a ser doutores e depois voltaram para casa, enriqueceram as colônias e deixaram exemplo para todos

Por: Ademar lizot. 
Tradução: Jaciano Eccher

3 comentários :

  1. gostei do blog.
    tenho muito orgulho de ser neto de italiano e bisneto também.
    meu nono era veneto.era da província de rovigo e da comuna de trecenta.meus
    bisavós,pais de minha nona,eram da toscana,lucca.
    uma pergunta sou neto de italiano ou de veneto?
    e qual literatura e dicionário em talian,posso comprar para aprender talian?
    moro no ES,aonde posso adquirir?
    em Alfredo Chaves posso comprar?Vamos fazer um mutirão para o governo do ES
    oficializar o talian como é em Bento Gonçalves.Estou nessa luta com vocês.
    Abraços

    Atenciosamente,
    ricardo campion

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro amigo Ricardo, primeiramente muito obrigado por visitar nosso blog. Temos um curso de TALIAN que oferecemos para qualquer lugar do Brasil, saiba mais na guia de páginas desse blog bem no topo onde diz "Quer aprender TALIAN?". Quanto a você ser descendente de Venetos ou Italianos, ambos estão corretos, de italianos porque vem da pátria chamada Itália, de vênetos porque é esse o sangue que corre em nossas veias, seria o mesmo por ex se eu fosse morar em um outro país, eu poderia dizer que sou brasileiro mas também gaúcho.

      Excluir
  2. Sou de origem italiana...com muito orgulho!!!!!!!!!!
    Atenciosamente,
    CONCEIÇÃO N MISTURA

    ResponderExcluir

Gostou?Comente aqui e se possível inscreva-se.