Pagine

Clique para entrar

quinta-feira, 6 de julho de 2017

La luce del sole / A luz do sol - Música Religiosa

Para ver letra e tradução de outras músicas no Site Brasil Talian, clique aqui.
Para baixar essa música, clique aqui.

Sugestão de postagem Fabio Santin

Italiano

Tu che illumini le stelle
e che ogni cosa puoi
e fai splendere nel cielo
il sole per noi.

Tu che piangi per chi ha fame
e per chi ti ucciderà
ma perché ci hai dato tutta questa libertà?

Eppure ogni cosa sapevi tu
dei nostri bei cuori
che venduto t'avrebbero quaggiù
per un pugno di denari.

Tu che mostri all'aurora
questo luogo dove sta
per poter scrutar la terra dalle sue estremità.

Perché non alzi la tua voce
sulla nostra libertà
che in un baratro profondo
noi portandoci sta.

il tuo silenzio ci fa smarrir nel gelo della notte
e anche per questo tu piangi già: come puoi amarci ancora?

Ma tu
continui, continui
ad amare chi ti ucciderà
tu che sei il padre del tuono
del sole e della pioggia

Tu sei proprio stravagante
forse accorto non ti sei
ma è da un po' che io ti studio
dentro i sogni miei
il tuo è solo un bel discorso
che inizio quel giorno che fu
quando la luce del tuo volto
arrivo fin quaggiù

E questo discorso finirà
quando l'uomo distrutto avrà
l'amore del tuo immenso splendor
che irradiava questa umanità
ma tu
continui, continui
ad amare chi ti ucciderà
tu che sei il padre del tuono
del sole e della pioggia

Tradução para português

Você, que acende as estrelas
e que tudo pode
e faz brilhar no céu
o sol para nós.

você que chora por quem tem fome
e aqueles que vão te matar
mas porque você nos deu toda essa liberdade?

Porém você sabe tudo
dos nossos corações
que nós havíamos te vendido aqui embaixo
por um punhado de dinheiro.

Tu, que monstras a madrugada
Deste lugar onde está
para poder controlar a terra em todas as extremidades.

Por que você não levanta a sua voz
sobre nossa liberdade?
que em um profundo abismo
estamos afundando.

O seu silêncio faz a gente se perder no frio da noite
e também por isso está chorando agora: como o senhor pode ainda nos amar?

Mas você
contínua, contínua
amar quem vai matá-lo
você que é o pai do trovão,
do sol e da chuva

Você é tão extravagante
Talvez você não tenha percebido
mas faz um tempo que te estudo
em meus sonhos
o seu é só um bom discurso
Que começou aquele dia em que se foi
quando a luz do seu rosto
chegou aqui

E esse discurso vai acabar
quando o homem terá destruído
o amor de sua imensa esplendor
Que irradiava a humanidade
Mas você
contínua, contínua
amar quem vai matá-lo
você que é o pai do trovão,
do sol e da chuva

Postagem e tradução: Jaciano Eccher/Brasil Talian

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?Comente aqui e se possível inscreva-se.