Pagine

Clique para entrar

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Mese de Setembre - Per Ademar Lizot

Quando scomìnsia el mese de setembre nela Provìnsia de SanPiero, ntea solitùdine de m'ànima scolto un clarin de guera, alora in rispeto a la stòria de la nostra gente, cavo via el capel dea testa e in che`l momento ricordo le parole del General Netto quando el ga fato la proclamassion de la ” Repùblica Rio Grandense”, dopo me par da veder la cavaleria “Farrapa” del General Bento Gonçalves e avanti de la cavaleria, in màrcia, con una grandiosità compagno í legionari di Roma, vien í “Lansieri Negri” del coronel Teixeira Nunes, í “Gladiadori del Rio Grande”, sempre avanti dea trupa, spaventado í soldati del Impèrio. Insieme de questi bravi gavea Giuseppe Garibaldi, che`l zera valente intra dei valenti e che tanti ani dopo ga scrito:...”-Ntea me vita go infrontà tante batàlie, però go mai visto soldati più valenti, gnanca lansieri più briliante de que`i de la Repùblica Rio Grandense, insieme de che`i bravi go impara a ignorar el perìcolo e go scominsià a combater par la rason benedeta del pòpolo”.

Così scomìnsia con tanti ricordi el mese de setembre qua ntea Provìnsia de San Piero. Ricordi de Luigi Rossetti, del conde Tito Livio Zambeccari, de Caniggia e tanti altri Taliani che`i ga dato la vita in onor a la repùblica Rio Grandense e i ga representà la gente Taliana in quela guera con testimónio de sàngue e onorabilità. Nel mese de setembre ricordo soratuto de Anita Garibaldi infrontado l`é s-ciopetade ostile, co`l pìcolo Menotti in bràssio. Ricordo anca del bravìssimo Garibaldi in viàio par el mar con so nave di guera, el “Piratini e Seival” par infrontar la armada del impèrio e dopo in diression dea cità de Laguna al incontro de so caríssima Anita.

Òstregha che grassioso che`l ze el mese de setembre, co`i giardini pieni de fiori, i canarini sú par la finestra, adesso sempre sverta, par vegner rento n`aria serena insieme con la fragansa dei fiori. L`é un mese spessial, parché sempre el mena í ricordi de la braura de nostra gente e anca che bisogna mai smentegarse, che la Provìnsia de San Piero ani vanti, la zera un Paese lìbero con so bandiera de tre colori compagno quela d`Itàlia e che ntel sentro de nostra bandiera ga una listra rossa de sangue, par rispetarla.

Così ze el mese de setembre, qua ntea Provìnsia de San Piero, l`é sempre pien de ricordi de la stòria de nostra gente, so epopea, so braura. Ricordi che fà vegner un sgrisolon nel cuor e una làcrima ntei òcii.


                                                        Mês de Setembro


Quando inicia o mês de setembro na Província de São Pedro, na solidão de m`alma escuto um clarim de guerra, então em respeito a história de nossa gente, tiro o chapéu da testa e relembro as palavras do Gen. Netto quando proclamou a República Rio Grandense. Depois parece que vejo a cavalaria Farroupilha do Gen. Bento Gonçalves e na frente marchando imponentes, igual aos legionários de Roma, vem os Lanceiros Negros do Cel. Teixeira Nunes, os gladiadores do Rio Grande, sempre na vanguarda da tropa, metendo pavor no exército imperial.

Junto destes bravos vejo também aquele que era valente entre os valentes, o bravo Giuseppe Garibaldi, o qual muitos anos depois deixou escrito:..” Ao longo de minha vida enfrentei muitas batalhas, disputadas e sangrentas, mas nunca em nenhuma parte vi guerreiros mais valentes, nem lanceiros mais brilhantes do que os da cavalaria Farroupilha, em cujas fileiras aprendi a desprezar o perigo e a combater pela causa sagrada dos povos.”

Assim é o mês de setembro, para lembrarmos de tantos bravos, lembrar de Luigi Rossetti, de Tito Lívio Zambeccari, de Caniggia e tanto outros Italianos que deram a vida em combate pela honra da República Rio Grandense e que foram os representantes da gente Italiana naquela guerra, com seu testemunho de sangue e honra. Em setembro lembro principalmente de Anita Garibaldi enfrentado os balaços inimigos com seu filho Menotti ainda criança nos braços. Relembro Garibaldi singrando os mares com seus barcos de guerra, o “Piratini e o Seival” para combater a marinha Imperial e depois em direção de Laguna ao encontro de sua amada Anita.

“Ala pucha” como é lindo o mês de setembro, com os jardins floridos, os pássaros na janela, agora sempre aberta para que entre uma brisa serena com o perfume das flores. È também especial porque neste mês lembramos da bravura de nossos antepassados e assim jamais esquecer que a Província de São Pedro, no passado foi um pais livre, com sua bandeira tricolor, igual a Italiana e no centro de nossa bandeira tem uma faixa vermelha cor de sangue para ela ser respeitada.

Mês de setembro é sempre pleno de lembranças da história de nossa gente, sua bravura, sua epopéia. São recordações que apertam o coração e fazem verter uma lagrima nos olhos.


Ademar Lizot.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?Comente aqui e se possível inscreva-se.