Pagine

Clique para entrar

quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Nantro scritor ntel Sito Brasil Talian. Un vissentin che parla anca portoghese

Veneto:


Salve a tuti, son rivà qua sul vostro sito par una strada longa, ma cerco de contarla en poche parole. Prima de tuto, son veneto, con papà, mama, noni e bisnoni tuti veneti, de Vicenza, quindi questo el xè xà um bon inisio.

25 ani fa go congesesto una fameia brasiliana, de origine italiana, e da alora semo sempre restà amici. Finalmente, l'ano scorso, son riusio a 'ndar trovarli a casa sua, a Florianopolis.

Qualche mese prima de partir, me son messo a studiar el portoghese, su internet, con professori che i stà lì en Brasile. Ben, xè 'ndà finire che el vostro paese el me xè entrà nel cuore, e ancora sto studiando portoghese, lesendo libri en portoghese, vardando film e novele portoghesi.

Xè poco tempo che go scoverto el Talian, a lengua veneta en Brasile, e me gà ciapà un mucio saver che così tanto distante da l'Italia, e sopratuto dal Veneto, se parla e se ama la lengua che qua la xè considerà solo un daileto, che i giovani parla sempre manco.

In pratica, me sento orgoglioso par tuti voialtri che, par non dismentegar le vostre radise, tegnì sempre viva la lengua dei nostri noni, mentre la nostra la xè cambià, penso che se veda la diferensa da come che scrivo mi e come che scrivì voialtri.

Perciò, se volì ospitarme nel vostro sito, se cato qualcosa sule tradision del Veneto che penso possa piaserve, ve le mandarò.

Basi a tuti.

Português


Bon dia a todos, eu cheguei aqui no vosso site fazendo uma longa viagem, mas vou procurar contá-la com poucas palavras. Primeiro, eu sou vêneto, com pai, mai, avós e bisavós todos vênetos, de Vicenza, assim já estou no caminho certo.

Há 25 anos conheci uma família brasileira, de origem italiana, e desde então ficamos sempre amigos. Depois de tantos anos, no ano passado consegui visita-los, em Florianópolis-SC.

Uns meses antes da partida, comecei a estudar o português, na internet, com professores que moram alí no Brasil. Bom, seja como for, seu país agora está no meu coração, e ainda hoje estudo português, leio livros em português, assisto filmes e novelas em português.

Há pouco que descobri o Talian, o idioma vêneto no Brasil, e fiquei apaixonado por saber que, tão longe da Itália, e ainda mais do Vêneto, fala-se e ama-se o idioma que aqui è somente um dialeto, que os jovens falam  cada vez menos.

Então, eu estou orgulhoso por todos vocês, que, para não esquecer vossas raizes, tem sempre viva a língua dos nossos avós, enquanto a nossa mudou, acho que vocês virem a diferença entre minha e vossas letra.

Assim, se quiser hospedar no vosso site, se eu encontrar algo que trata das tradições do Vêneto que eu achar que vocês gostem, enviarei a vocês.

Beijos a todos.

Leonardo Quaggiotto - Vicenza - Veneto - Italia

Obs. O texto em vêneto não sofreu nenhuma edição, permanece a escrita original do escritor. A letra "X" no vêneto tem som de "Z" pra gente portanto "xe" é o mesmo que "ze".


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?Comente aqui e se possível inscreva-se.