Pagine

Clique para entrar

segunda-feira, 18 de julho de 2016

Il grillo e la Formicuzza/ O grilo e a formiga (música com letra e tradução)

Para ver mais letra e tradução de músicas clique aqui.
Para baixar essa música clique aqui.



         Italiano
C'era un grillo in un campo di lino,
la formicuzza ne chiese un mazzolino.
Disse il grillo: "Che cosa ne vuoi fare?"
"Calze e camicie, mi voglio maritare."

Laritimbalerilerero leretimbalerirera
Laritimbalerilerero leretimbalerirera

Disse il grillo:"Lo sposo sono io!"
Rispose la formica:"Sono contenta anch'io!"
Viene arrivato il pranzo delle nozze:
Quatro patate e tre castagne rosse.

Entrano in chiesa per darsi l'anello,
cade il grillo si rompe il cervello.
La formicuzza dal gran dolore
Prese una zampina e se la mise al cuore.

Suonan le otto di là dal mare
si sente dire che il grillo stava male.
Suonan le nove di là dall'porto
e si sente dire che il grillo èra morto.

Suonan le dieci di la del prado,
si senti dire che il grillo è soteratto.
suonan le undici di la dal un viso
si senti dire che il grillo è in paradiso.

È mezza notte di la del monte nero:
Si sente dire che il fatto non è vero,
La formicuzza dal gran piacere
scese in cantiva a bere un boun bichiere.

Tradução para português

Existia um grilo em um campo de linho,
a formiga, pediu um buquê.
Disse o grilo: "O que você quer fazer?"
"Meias e camisas, eu quero me casar."

Laritimbalerilerero leretimbalerirera
Laritimbalerilerero leretimbalerirera

Disse o grilo: "O noivo sou eu!"
A formiga respondeu: "Estou contente também!"
Chega o dia do casamento, no almoço:
Quatro batatas e três castanhas vermelhas.

Eles vão à igreja para dar-se o anel,
o grilo cai e quebra o cérebro.
A formiga muito triste
pega uma patinha e colocá no coração.

Tocam as oito de la do mar
Se ouve dizer que o grilo estava doente.
Tocam as nove de la do porto
Se ouve dizer que o grilo estava morto.

Tocam as dez de lá do Prado,
Se ouve dizer que o grilo estava enterrado.
Tocam as onze de la de um rosto
Se ouve dizer que o grilo está no céu.

É meia-noite de la da montanha negra,
Parece que o fato não é verdade,
A formiga de tanto prazer
desce no porão para beber um bom copo.

Postagem e tradução/ Pubblicazione e traduzione: Jaciano Eccher.
                                  


                                      

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?Comente aqui e se possível inscreva-se.