Pagine

Clique para entrar

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Dia nacional do Imigrante Italiano no Brasil

O “DIA NACIONAL DO IMIGRANTE ITALIANO” foi instituído a partir do projeto de lei de autoria do o senador Gerson Camata, do Espírito Santo, a Lei 11.687/08 define 21 de fevereiro como o “Dia Nacional do Imigrante Italiano”. A data lembra a chegada da primeira leva, com 380 famílias de imigrantes italianos ao Brasil, ocorrida em 21 de fevereiro de 1874, a bordo do Vapor Sofia. A lei foi sancionada pelo então vice-presidente José Alencar Gomes da Silva, em 2 de junho (data significativa para a Itália, sendo o dia da República) de 2008. A data comemorativa de 21 de fevereiro representa a importância simbólica como resgate histórico do processo da imigração italiana no Brasil, atualmente formando um contingente de mais de trinta milhões de ítalo-brasileiros, sendo o maior país do mundo com raízes italianas.

Quando, em 1861, a Itália foi unificada, ficando quase inteiramente livre das potências estrangeiras (somente o Veneto continuava sob o domínio da Áustria enquanto Roma e uma parte da Itália central era ainda território do Estado Pontifício), resultou em grave estagnação, após todos os anos de ocupação pelos invasores. Nada tinha sobrado para o desenvolvimento e a reconstrução.

Nessa época, o Brasil carecia do trabalho escravo nas fazendas de café dos paulistas e outros, e dos estados do Sul e Sudeste. cuja mão de obra já era insuficiente. Portanto, D. Pedro II, Imperador do Brasil, e Rei Vittorio Emanuele II, da Itália entabularam acertos para a emigração ao Brasil de famílias italianas que necessitavam de solução para nova vida e trabalho. Tal seria feito através das companhias de colonização que facilitaram ditas tratativas.

Fonte: Renata Bueno

2 comentários :

Gostou?Comente aqui e se possível inscreva-se.