Pagine

Clique para entrar

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

El Tonin dela Musseta / O Tonin da mulinha

Para ver letra e tradução de outras músicas, clique aqui.
Para baixar essa música, clique aqui.


Talian
Valdir Anzolin

La zo rente el Rio das Antas steva Bepi Stivaleta
lu, la dona ei due fioi, el Tonin e la Gigieta
Lori quando ndea al paese con la mussa maledeta
El vegnéa casa cativo che paréva una saeta
Perché tute lo ciaméa. El Tonin dela Musseta!

Tonin se ga messo in testa na idea maledeta
Vendo i porchi, vendo il mìlio i fazui e la vacheta
Ciapo i soldi dela uva. meto i boi ntela careta
Dopo vago via in cità per comprarme una lambreta
Per non sentir piu ciamarme. El Tonin dela Musseta!

So pare lora ghe dize, mena ensieme la Gigieta
La ga de comprarse a dote per sposar Tonin Pipeta
Cossì la pol vegner casa ela con la so careta
E ti te vegne davanti montà nela to lambreta
Per finir de esser ciamà. El Tonin dela Musseta!

Tonin le rivà contento che el pareva una civeta
Dopo sena el se parécia, se mete su la giacheta
El capelo, orolòio dopo el mota la lambreta
contento pa ndar mostrarghe la novità a la Nineta
Quando lo vede a ghe dize. Le el Tonin dela Musseta!

Un sabo dopo mes di pena dopo na pioveta
Tonin ga ndato catare la so santola Marieta
La strada la zera móia e per sora meda streta
El ga sbrisià nte na curva le cascà ntela valeta
Un che lovede ghe dize. El Tonin dela Musseta!

Tonin con quel rabalton rento nte quela valeta
Se ga spela su la schena se ga sbregà la giacheta
e ga fa un giuramento de quel'ora madaleta
De qua avanti non vui pi monta nte quela lambreta.
Pol ciamarme fin che mora. El Tonin dela Musseta

Tradução para português

La embaixo no Rio das Antas mora Bepi Stivaleta
Ele, a mulher e os dois filhos, o Tonin e a Gigieta
Eles quando vão pra cidade com a mula maldita
ele vinha pra casa brabo como um raio
porque todos o chamavam de. O Tonin da mulinha!

Tonin colocou na cabeça uma ideia maldita
Vendo os porcos, vendo o milho, o feijão e a vaquinha
Pego o dinheiro da uva, coloco os bois na carroça
Depois vou pra cidade me comprar uma Lambreta
Para não mais ouvir me chamarem. O Tonin da mulinha!

O seu pai então diz: Leva junto a Gigieta
Ela precisa se comprar o enxoval para casar com o Toni Pipeta
Assim ela pode vir pra casa com sua carroça e
você venha na frente montado com sua Lambreta
Para acabar de te chamarem. O Tonin da mulinha.

Tonin chegou feliz que parecia uma curuira
Depois da janta ele se arruma, coloca sua jaqueta
O chapéu, o relório, depois monta na Lambreta
Feliz para falar da novidade a Nineta
Mas quando o vê ela diz. É o Tonin da mulinha.

Um sabado depois de meio dia logo depois de uma chuvinha
Tonin foi visitar sua madrinha Marieta
A estrada estava molhada e por cima meia estreita
Ele sacudiu numa curva e caiu numa valeta
Um que o vê diz: É o Tonin da mulinha.

Tonin com aquele tombo dentro daquela valeta
Se pelou as costas e rasgou a jaqueta
E fez um juramento naquela maldita hora
Daqui pra frente não quero mais montar naquela Lambreta
podem me chamar até morrer. O Tonin da mulinha

Postagem e tradução/Pubblicazione e traduzione: Jaciano Eccher
Sugestão de postagem: Cristian Bergamin





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?Comente aqui e se possível inscreva-se.