Pagine

Clique para entrar

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Il Sirio/O sirio

Para ver letra e tradução de outras músicas clique aqui!
Para baixar essa música clique aqui!

                                                                       Italiano
Il Sirio è una storia vera . Il 4 agosto 1906, la nave italiana " Sirio " in viaggio di Genova al Brasile e le Repubbliche River Plate, naufragati sulle coste della Spagna , vicino alle isole Formica e Capo Palos . Portavanno 1700 passeggeri, di cui 700 emmigrati italiani (principalmente Veneti e Trentini) che sono andati in Brasile , Argentina e Uruguay . Di questi, 300 sono stati uccisi e 200 sono stati dispersi . Quelli che sono stati salvati sono stati riparo per la popolazione di Capo Palos , Cartagena e Alicante . Tra i passeggeri sono stati uccisi anche monsignor José Camargo Barros , Vescovo di São Paulo(Brasile) , il Priore dell'Ordine benedettino a Londra otto missionari diretti in Brasile e il Console d'Austria a Rio de Janeiro , Leopoldo Politzer . Il comandante del " Sirio " fu fatto prigioniero a Cartagena , incolpato per l'incidente , perché per guadagnare di più, imbarcavanno i migranti clandestini  delle coste della Spagna , si avvicinavano allora troppo delle scogliere . In qualche modo , siamo tutti figli della tragedia che è stata l'immigrazione in massa iniziata a fine 1875.

                                                                      Il Sirio

Quando da Genova il Sirio partiva
Per L’América al suo destino
Senza timore il Sirio correva
Legger leggero sul plácido mar.

:/O Sírio, Sírio, la misera squadra
Per molta gente la misera fin.:/

Sull’Alto mare la nave s’infranse
Incontrando lo scoglio fatale
Quatro barchette scorrevan sull’acque
Va in soccorso dei nostri fratelli.

:/O Sírio, Sírio, la misera squadra
Per molta gente la misera fin.:/

Tra quei naufraghi i Preti pregavano
E poi lo davano la benedizione
Padri e Madri bacciavano i figli
Poi sparivano tra le onde Del mar.

:/O Sírio, Sírio, la misera squadra
Per molta gente la misera fin.:/



                                                                             Português
O Sírio
O Sírio é uma história verdadeira. Em 4 de agosto de 1906, o navio italiano “Sirio”, em viagem de Gênova para o Brasil e Repúblicas do Prata, naufragou nas costas da Espanha, próximo das Ilhas Formiga junto ao Cabo Palos. Transportava 1700 passageiros, entre os quais 700 emigrantes italianos (sobretudo Venetos e Trentinos) que iam para o Brasil, Argentina e Uruguai. Deles, 300 morreram no ato e 200 ficaram desaparecidos. Os que conseguiram salvar-se foram abrigados pelas populações de Cabo Palos, Cartagena e Alicante. Entre os passageiros morreram também Monsenhor José Camargo de Barros, Bispo de São Paulo, o Prior da Ordem dos Beneditinos de Londres, oito missionários diretos ao Brasil e o Cônsul da Áustria no Rio de Janeiro, Leopoldo Politzer. O comandante do “Sirio” foi preso em Cartagena, culpado pelo sinistro, pois, para ganhar mais, embarcava emigrantes clandestinos nas costas da Espanha, aproximado-se demais dos arrecifes. De algum modo, todos nós somos filhos da tragédia que foi a imigração em massa iniciada no final de 1875.

                                                           O Sírio

Quando de Genova o Sirio(nome do navio) partia
para a América ao seu destino. 
Sem medo o sírio corria
leve e rápido no plácido mar.

:/ Óh Sirio, ó Sirio oh equipe miserável 
Para muitas pessoas o miserável fim. :/ 

Em alto mar o navio quebra 
De encontro a pedra fatal 
Quatro barcos na água corriam
para ajudar nossos irmãos. 

:/ Óh Sirio, ó Sirio oh equipe miserável 
Para muitas pessoas o miserável fim. :/ 

Entre os náufragos os padres rezavam 
e davam suas bençãos 
Pais e Mães beijavam seus filhos 
Que desapareciam nas ondas do mar 

:/ Óh Sirio, ó Sirio oh equipe miserável 
Para muitas pessoas o miserável fim.

Postagem e tradução/Pubblicazione e traduzione: Jaciano Eccher



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou?Comente aqui e se possível inscreva-se.