Pagine

Clique para entrar

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Vem aí nova turma para curso de talian

Mi parlo TALIAN!

A maioria das pessoas que falam o dialeto italiano do sul do Brasil, não sabem escreve-lo corretamente. Felizmente a procura por resgatar e aperfeiçoar este lindo idioma agora língua referencia cultural brasileira, vem aumentando a cada dia, quem sabe um pouco quer aperfeiçoar e quem não fala nada inclusive de outras nacionalidades quer aprender.

Pois bem, estamos organizando novas turmas, uma no município de Três Palmeiras-RS e outra em Ronda Alta-RS, ambas ainda não tem data definida para começar, mas provavelmente em março, como as vagas são limitadas garanta já a sua. No primeiro dia de aula o aluno já ganha uma apostila para estudo.
 Quem quer adquirir somente a apostila, sem frequentar as aulas pode pedir, que enviamos para você pelo custo de R$ 35,00 mais postagens. A apostila contem 8 aulas

Informações: No campo de comentários deste blog, pelo email: italianiinbrasile@hotmail.com ou pelos telefones: Vivo (54) 9606-8941 ou OI (54) 8408-9178.
Por: Jaciano Eccher.
Ver toda a postagem/Vedere tutto ››

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Santa Lucia (música)

Para ver letra e tradução de outras músicas clique aqui.

Para baixar essa música clique aqui.


Ascolta la canzone/Ouça a música...


(Italiano. A música original é no dialeto napolitano)

Sul mare luccica
L'astro d'argento
Placida è l'onda
Prospero il vento
Venite all'agile
Barchetta mia
Santa Lucia! Santa Lucia!

Con questo zeffiro
Così soave
Oh, come è bello
Star sulla nave
Su passeggeri
Venite via
Santa Lucia! Santa Lucia!

In' fra le tende
Bandir la cena
In una sera
Così serena
Chi non dimanda
Chi non desia
Santa Lucia! Santa Lucia!

Mare sì placido
vento sì caro
Scordar fa i triboli
Al marinaio
E va gridando
Con allegria
Santa Lucia! Santa Lucia!

O dolce Napoli
O suol beato
Ove sorridere
Volle il creato
Tu sei l'impero
Dell'armonia
Santa Lucia! Santa Lucia!

Or che tardate?
Bella è la sera
Spira un'auretta
Fresca e leggiera
Venite all'agile
Barchetta mia
Santa Lucia! Santa Lucia!

                                                       Tradução para português



No mar brilha
A estrela de prata
Plácida é a vaga
O vento é favorável
Venha ligeiro
Meu barquinho
Santa Lúcia! Santa Lúcia!

Com esse Zéfiro
Tão doce
Oh, como é belo
Estar no navio
Seus Passageiros
Indo e vindo
Santa Lúcia! Santa Lúcia!

Entre as cortinas
Anunciando o jantar
Em uma noite
Tão serena
Quem não indaga
Quem não deseja
Santa Lúcia! Santa Lúcia!

O mar tão calmo
O vento tão querido
Esquecer os espinhos
Ao velejar
E vá gritando
Alegremente
Santa Lúcia! Santa Lúcia!

Oh, querida Nápole
de solo abençoado
Sorria quando
foste criada
Tu és o império
Da harmonia
Santa Lúcia! Santa Lúcia!

Agora que entardeceu
Bela é a noite
sopra a brisa
Fresca e leve
Venha ligeiro
Meu barquinho 
Santa Lúcia! Santa Lúcia!


Tradução: Jaciano Eccher.

Ver toda a postagem/Vedere tutto ››

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Que tal viajar para a Terra Santa e Itália?

TERRA SANTA E ITÁLIA
22 de MAIO - 2 0 1 5 - 14 DIAS

Com meia pensão em Israel café da manhã e jantar

Roteiro resumido
Dia 22-05-2015
BRASIL – ISRAEL
Embarque em Curitiba, Porto Alegre ou Florianópolis com destino a Tel Aviv  – conexão em Guarulhos-SP ou Galeão Rio – Pernoite no avião.

Dia 23-05-2015
07:15 – Chegada a Roma e as 09:30 hs deslocamento A Tel Aviv– 13:15 hs – Chegada a Tel Aviv city tour panorâmico e deslocamento de ônibus a Belém (1 hora e meia de ônibus). Chegada instalação hotel – (jantar incluído). 



 Dia 24-05-2015     
 JERUSALÉM/BELÉM
Visita ao Monte das Oliveiras, começando nossas visitas pela capela da Ascensão, o Pater Noster (a igreja do pai nosso), desceremos a pé passando por Dominus Flevit, lugar onde Jesus chorou – Jardim de Getsamani e a Igreja da Agonia, o túmulo de Maria. Muro das Lamentações. Tour panorâmico do edifício do Parlamento de Israel (Knesset) e do Candelabro (Menorá) deslocamento a Belém (10km), Igreja da Natividade, campo dos pastores. Pernoite hotel – (Café da manhã e jantar incluído) 


Dia 25-05-2015   
JERUSALÉM/VIA DOLOROSA/SANTO SEPULCRO
Começaremos o dia visitando os tanques de Betesda (onde Jesus curou um paralítico) e a igreja de Santa Ana, percorreremos a pé por todas as XIV estações da via dolorosa (as 4 ultimas encontram-se dentro da igreja do Santo Sepulcro), o local de julgamento de Cristo, o Calvário. Visita ao monte Zion (Sião) onde veremos o túmulo do rei David, o Cenáculo (local da última ceia) e a igreja da dormição de Maria. Também visitaremos São Pedro em Galicantu, lugar onde Pedro negou Jesus por 3 vezes. (Café da manhã e jantar incluído).


Dia 26-05-2015 
MASSADA – QUMRAM –MAR MORTO - JERICÓ
 Subida em teleférico à fortaleza de Massada e visita às escavações do palácio de Herodes, banhos romanos. Passagem pelas ruínas do mosteiro dos essênios em Qumran onde foram descobertos os manuscritos do mar morto. 11:00h flutuação e banho no mar morto. Prosseguindo a Jericó 10km com passagem pela arvore de Zaqueu, Sicomodo de Zaqueu, visita panorâmica do Monte da Tentação – opcional subida de teleférico, continuação a Tiberíades. Check-in hotel e jantar. (jantar incluído).  

Dia 27-05-2015 
YARDENIT / RIO JORDÃO / CANAÃ / NAZAREH 
Saída para a região da Galileia até o Rio Jordão e renovação das promessas do batismo em Yardenit. Visitaremos Canaã da Galileia, o lugar do primeiro milagre de Jesus, onde ele transformou a água em vinho. Continuação da viagem até Nazareh onde visitaremos a Basílica da Anunciação onde o anjo Gabriel anunciou à Maria que ela seria mãe do Messias. Visitaremos também o poço de Maria, a fonte da virgem e a igreja de São José. Retorno ao hotel 25km (Café da manhã e jantar incluído).
Dia 28-05-2015 
MONTE TABOR / TIBERÍADES / TRAVESSIA DO MAR DA GALILÉIA / TABGHA /CAFARNAUN / MONTE DAS BEM-AVENTURANÇAS
Saída para visitar o Monte Tabor onde aconteceu o milagre da transfiguração de Cristo. Seguiremos para Tiberíades para um passeio de barco como acontecia na época de Jesus.Visita a Tabgha, lugar do milagre da multiplicação dos pães e dos peixes. Saída até Cafarnaum para visitar a Antiga Sinagoga e a Capela de Pedro. Visita ao monte das Bem-aventuranças, lugar onde Jesus pronunciou o sermão da Montanha. Retorno ao hotel em Tiberiades. (Café da manhã e jantar incluído)

Dia 29-05-2015
HAIFA / MONTE CARMELO / CESAREA MARÍTMA
Viagem para a cidade de Haifa e visita ao Monte Carmelo, aonde o Profeta Elias fez descer fogo do céu. Passagem pelos Jardins Bahai e Monastério Carmelita Stella Maris. Seguindo para cidade romana de Cesarea Maritima, onde visitaremos o Teatro Romano, a cidades dos cruzados e o aqueduto continuando para o Aeroporto com destino a Roma, após os tramites alfandegários seguiremos para Assis. Pernoite hotel Assis. Chegada prevista para as 22:00h – (Café da manhã incluído).

Dia 30-05-2015
ASSIS – City tour pelos principais pontos turísticos da cidade, onde visitaremos a Basílica de San Francisco de Assis e Santa Clara e tempo para interagir com a magnifica cidade medieval. Pernoite em Assis. (Café da manhã incluído).

Dia 31-05-2015
ITÁLIA – FIRENZE – pela manhã seguiremos a Firenze, ponto panorâmico, Catedral de Santa Maria dei Fiori, tempo para uma caminhada pela Piazz Signorinha e ponte Vecchio continuando para Roma. Instalação hotel e pernoite. Previsão de chegada para as 20:00h.

Dia 01-06-2015
ROMA – VATICANO – CAPELA SISTINA
Visita ao vaticano e a Basílica de San Pedro, Visita aos museus do vaticano e Capela sistina – túmulo dos papas – Iniciaremos nosso tour em Roma caminhando pelo castelo de Santo Ângelo – Fontana Di Trevi– Pernoite hotel. (Café da manhã incluído).

Dia 02-06-2015
ITÁLIA – ROMA – Visita ao COLISEU, o FÓRUM ROMANO, Pantheon – e Piaza Navona – City tour em ônibus panorâmico (pgto. a parte). Pernoite no hotel.
Dia 03-06-2015
ITÁLIA/ROMA/AUDIÊNCIA PAPAL – audiência do papa na praça São
Pedro desde q esteja programada. A noite retorno ao Brasil. Pernoite no avião.

Dia 04-06-2015
CHEGADA AO BRASIL.

Maiores informações com Jaciano Ecker pelo telefone (54) 9606-8941, (54) 8408-9178 e ainda pelo e-mail, italianiinbrasile@hotmail.com !
Ver toda a postagem/Vedere tutto ››

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

sábado, 24 de janeiro de 2015

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Quel mazzolin di Fiori/Aquele pequeno buquê de flor

Para ver letra e tradução de outras músicas clique aqui.
Para baixar essa música clique aqui.

Ascolta la canzone/Ouça a música...

Imagem da internet
(Italiano com mistura de dialetos)

Quel mazzolin di fiori
Che vien da la montagna,(due volte)
E bada ben che nol si bagna,
Che lo voglio regalar(due volte)


Lo voglio regalare
Perché l’é un bel mazzetto (tre volte)
Lo voglio dare al mio moretto
Questa sera quando’l vien.

Sta sera quando l’viene
Sara una brutta sera (tre volte)
e perché sabo di sera
lui non è vegnù da me.

Non é vegnù da me
L’é’nda della rosina, (tre volte)
Perché mi son poverina
Mi fa pianger e sospirar.

Mi fa piangere e sospirare
Sul letto del lamenti (tre volte)
Cosa mai diran la gente
Cosa mai diran di me

Diran que son tradito
Tradito dell’amore (tre volte)
E perche me piange el cuore
E per sempre piangeró.

                              Tradução para português

Aquele pequeno buquê de flor
Que vem da montanha,
Cuide bem para não se molhar,
Pois quero te presentear (Bis)


Quero te presentear
Pois é um lindo buquê
Quero dar a meu amorzinho
Hoje à noite quando ele vier.

Hoje à noite quando vir
Será uma noite feia
Por que sábado à noite
Ele não veio até mim.

Não veio até mim
Foi na casa da Rosina,
Porque eu sou pobrezinha
Me faz chorar e suspirar.

Me faz chorar e suspirar
Na cama das lamentações
O que irão dizer as pessoas
O que irão falar de mim

Dirão que fui traido
traído no amor
Meu coração chora forte
E para sempre chorará.

Obs: Esta é uma versão da música, mas existem várias letras e melodias diferentes.
Osservazione: Questa è una maniera di cantare ma ci sono molte lettere e maniera di cantare diverse.

Tradução e postagem: Jaciano Eccher.
Ver toda a postagem/Vedere tutto ››

terça-feira, 20 de janeiro de 2015

Gruppo Italiani in Brasile na 5ª Festa da Uva em Três Palmeiras

Nos dias 17 e 18 de janeiro de 2015 aconteceu em Três Palmeiras-RS a 5ª Festa da Uva e da Agricultura Familiar.
Teve várias apresentações de dança e música. O Coral Alemão da Vila Progresso fez a primeira apresentação da noite, cantou duas músicas, depois foi a vez de um grupo de índios Kaingang Apresentar seu espetáculo de dança, cantando a música "Canta índio do Brasil", na sequencia o CTG Coxilia das Palmeiras apresentou várias danças nas categorias adulto e infantil. E no encerramento das apresentações do sábado foi a vez do GRUPPO ITALIANI IN BRASILE (GIB) apresentar duas músicas do seu primeiro CD que você pode acompanhar nos vídeos abaixo, a voz como você pode perceber é ao vivo, porém, o instrumental teve que ser feito com play back para encurtar o tempo.

Além das apresentações na noite de sábado também foi servido um delicioso jantar típico italiano regado a vinho frutas produzidas no município e shop de vinho.
No domingo também teve muitas gincanas e atividades e à partir das 17:30 horas show baile com Gruppo Italiani in Brasile e Banda Terceiro Ato, os dois conjuntos musicais do município.

Clique no Blog da Rádio Comunitária Liberdade FM de Três Palmeiras para você conferir muito mais imagens.

Assista os vídeos das duas apresentações do GIB. 









Ver toda a postagem/Vedere tutto ››

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015

Galina Grigialda parte 5

Eco la parte sinque dela stòria dea Galina Grigialda, scrita per Juvenal dal Castell e racontada nel Programa La Voce Veneta per Taís Manfrin, che in questa edission del programa la ze drio far 10 ani. Complimenti Taís, tante auguri e felicità.


Ver toda a postagem/Vedere tutto ››

sexta-feira, 9 de janeiro de 2015

Galina Grigialda parte 4

Cari bambini, vèci e a tuti ei altri ascoltatori del programa La Voce Veneta e letori del Blog Italiani in Brasile, eco la parte 4 dela stòria dea Galina Grigialda.
Ver toda a postagem/Vedere tutto ››

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Filtron


Vivo triste amargurado
Eu só lá de Antonio Prado
E não tenho um caminhão
Mas com a safra da uva
Este ano a coisa muda
E compro um diabo de filtrão
Tiro o carro da agência
Levo logo para querência
E digo adeus ao meu patrão
Levo junto a Juliana
E uma carga de banana
De São Paulo e Jaguarão.

Eu me mando pra Caxias
Vou botar carroceria
E buzina de correntela
Examino as balacas
E dou um aperto nas catracas
E na secretária Vera
Já está pronta a Jamanta
Para cruzar o Rio das Antas
E subir aquela serra
Se alguém quiser cruzar
Eu aceno devagar
Então eu digo aí
Madona espera.

Numa cruza de laçante
Pego firme o volante
E abro a buzina e sineta
De repente um caminhão
Me cruza na contra-mão
Jogou-me na valeta
Acho que era de Bento
Dirigia um F.Cento
Vi a coisa fica preta
Só ouvi um assobio
E me volto par de drio
Porco Can quase perdo a carreta.

Vou reduzindo a mudança
Logo ali esta balança
Vem o guarda da semana
Vai no carro e faz revista
Diz boa viagem motorista
E pisca o olho pra Juliana
Caminhoneiro ou chofer
Venha de onde vier
É uma profissão bacana
Rindo, cantando ou chorando
Amanhã estarei chegando
Com outra carga de banana.

                                                     Traduzione per l'italiano

Vivo triste amaro
Sono di Antonio Prado
E io non ho un camion
Ma con la vendemmia
Quest'anno la cosa cambia
E comprerò un inferno di un Filtron
Prendo l'auto della agenzia
Vado presto a casa
Dico addio al mio padrone
Porto ensieme la Giuliana
E una carica di banane
di Sao Paulo a Jaguarão.

Me ne vado a Caxias
Metterò corpo
E tromba di correntela
Esamino le pastiglie
Stringo le tornelli
E anche la segretaria Vera
Già è pronto il camion
Per attraversare il Rio das Antas
E scalare quella montagna
Se qualcuno vuole attraversare
Annuisco lentamente
Quindi io dico
Madonna aspetta!

In un incrocio verso in giù
prendo ferme il volante
E apro tromba e campana
Improvvisamente un camion
mi attraversa di modo sbagliato
e mi buttò nel fango
Penso che era di Bento
Guidava un F.Cento
Ho visto la cosa diventare nera
Ho sentito solo un fischio
E mi rivolgo per dietro
porco cane quasi perdo il carrello.

Vado riducendo la velocità
è Proprio lì la bilancia
Arriva el guardia della settimana
va in macchina e rende rivista
Dice  buon viaggio autista
E strizza l'occhio a giuliana
Camionista o autista
viene da dove viene
Si tratta di una bella professione
Ridendo, cantando o piangendo
Domani arriverò
con un'altra carica di banane.

Osservazione: Qui il cantante canta in portoghese però con accenti italiani.

Música: Valdir Anzolin/Tradução Jaciano Eccher.


Ver toda a postagem/Vedere tutto ››

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

La dura, ma anca bona vita de Bepi

Imagem da internet
 Questa ze la stòria del Bepi, um contadino che ze nato in Italia in la cita de Segonzano darente a Trento. Ntel ano di 1888 è venuto in Brasile ensieme com tanti altri taliani in un bastimento movìu a legno.
In Italia si penseva che qua zera fàcile la vita, Che gavea la cucagna per tuti ei cantoni, si ben che i ze vignesti di Italia per che lá i partia fame poareti, dopo la guera non gavea laoro, e gnanca soldi gnaca magnari.
Tornando a la stòria, dopo che Bepi ga rivà in Brasile in tela cita di Anta Gorda-RS, poro gramo, ga trovà tuto bosco, piante, sassi, e quela cucagna che lu pensea gaver qua ze stato sol um bel de un sogno, ma come zera belche qua adesso sol restava scominsiar a taiar le piante, muciar zo ei sassi, per dopo versar e sapar la tera per piantar granturco(Milho), formento, patate dolse, ingùrie, vignai e tante altri magnari.
Ma non semo qua per parlar sol de fadighe, per che dopo di ciapar el segon, la manara e el roncon e taiar via le piante fin el sol ndar nasónderse, dopo a la sera ei stea ensieme per cantar, racontar stòrie e magnar fin inpinir le budele. Ei fea cossì, quei che savea sonar la fisarmónica(gaita) o el violon, ei portea ensieme. El Bepi zera un omo che in colònia non parlea tanto perché el credeva che l'era mèio laorar zito(quieto), ma quando ei fea sto filò lu parea nantra persona, de tanto che el ridea, e cantea LA MÈRICA e altre sonate taliane.

Me fà fin àqua in boca de parlar dei magnari de quei tempi, soldi lori gavea poco, ma ei magnari zera tanti per che zera tuto cose de colònia, ei magnea salame, formai, ovi, radici coti, ossacoi, polenta, pien, tortei, menestra de agnolini, e de insalata gavea prima de tuto radici, pomodori, segole, peperoni, presemole e tante altri magnari che incoi nissun mai sa far. Ma cossì fra tuta la note ei passea cantando e ciacolando dopo le mame scominsiea andar in cerca dei bambini che ei zera par tuti i cantoni, quei che zoghea, quei que dormiva soto la tola, ma dopo se catava fora tuti, e se impienia la careta de fisarmónica, violoni e bambini e ndea casa dormir.
Quando zera el tempo dela racolta dela ua el Bepi zera el primo a ndar in cerca dele musse e dei bò per tirar la careta, e la ndea nantra volta la careta piena, ma adesso non con violoni e fisarmóniche ma sì con sestoni e gente per catar la ua. Soto el vignal Bepi ndea in cerca dei posti più alti per che lu zera un talian che mancava poco par due metri de altesa, alora bisognea badarse per non dassar cascar in tera el capelon de pàia de formento che la nona gavea fato.
Soto el vignal zera fin bel de veder per che anca li ghe zera tuta la fameia ensieme nantra volta, la ghen gera la nona, el nono, el pupa, la mama e ei bambini contenti come cavai zóvani. Ei più veci contenti per che dopo ei inpienia tante de quele bote de vin e ei bambini contenti de tanto magnar `
ua e dopo bever vin dolso.
E quando ei sestoni zera belche pieni se carghea ntela careta e se ndea casa per far vin. In cantina le bote belche nete, ei mastei a posti, alora in quei tempi te sè come si masseneva la ùa? Non? Si massenea con ei pie(neti, kkk), se endea rento el mastelon e zo pestolar su con quei dedoni che sol i taliani ga. Ei bambini sempre in torno osando che anca lori volevano ndar rento ei mastei. Un poco la nona, un poco el nono, la mama, tuti masseneva la ua, el Bepi più grande e forte ciapea ei sestoni pieni de ua e metea rento del mastel.
Imagem da internet
Come el Bèpi slevea porsei, una porselada bela de vedere, slevea anca galine e bò, gavea bisogno di piantar granturco e la del paiol el ghen gera una machina de sgranar mais (também assim pode se chamar o milho), Bepi con quei brassoni fea tanto svelto che se sporchea le braghe, la maieta(camisa) e el capel que parea che gavea cascà rento de un saco de farina dopo el ciapea la sapa e una borseta col le tirache de spale per ndare in colònia sapar, tute quele somense che trovea, de bidoni, rampeghine, erba grassa e altre el metea rento de quela borseta e dopo menea la rento del bosco e su un mùcio de sassi zera el posto pio giusto de rimànere fin smarsirse sensa nasser nantra volta.

E quando qualchedun zera de far compleano, nantra volta se trovea tuti ei amici per far el brodo, zugar carte e la mora (fin scavessar ei dei). In tanto quel de compleano restea casa ei altri “amici” ndea pian pian del puliner e ciapea due, tre polastri per far el risoto o el brodo, e dopo fea la sorpresa per quel che zera de star più vècio. Ei tosati de ncoi non sà cossa ze viver de verità, ncoi fra ei video-game e computadori ei passa tuta la infànsia saradi rento casa pitosto de ndar far tante cose bone che se fea sti ani in drio. Ma cossì finisso un toco dela stòria del Bepi un omo che ze vignesto dela Italia ga laorà e sofresto tanto, ma anca ga ridesto e ga imparà dei soi genitore il vero valore che la vita ga, e li dela regione dela Serra Gaúcha e altri posti del Rio Grande do Sul ghe'ne tanti fioi nepoti del Bepi che fin ei giorni di ncoi fà compagn ga fato lu. E qua mi vui far una domanda a tute le persone che ze dissendenti de taliani, bisogna risgatar le nostre radise la nostra léngoa per che in Italia ga vansà pochi dei Bepi vignesti quà romai

Obs: Questa ze stata la prima stòria che go scrito per la stinta Revista Brasil Talian.

Por: Jaciano Eccher.
Ver toda a postagem/Vedere tutto ››